O Fim do Jazz

Decreto
Através desta
O fim deste
Que por algum tempo
Serviu de palco
Para os pobres pensamentos febris
De um pretérito poeta
Imperfeito do indicativo


-----
Foto: Novo lar, novos sons, novas idéias, novas literaturas, velhos amigos.

7 comentários:

Janaina disse...

alguns fins deixam uma certa saudade..
esse vai deixar.
:T

Palmerindo disse...

e pra onde você vai?
Como te verei (na realidade lerei)
nos encontros e desencontros dessa vida de blogs?

Sabiá da Mata disse...

engraçado... eu sempre achei que sabia os leitores aqui do Jazz.. gostoso comentário de se ler esse Palmerindo...

Decidi acabar o finalizar o blog como quem finaliza um livro...

Vida mudando e estou preparando coisinhas legais para serem lançadas em páginas e em palco...

Mas antes pretendo sumir por um tempo...

Mas estarei sempre atualizando o www.aiegua.com.br (de vez em qd colocarei uma poesia minha nova lá) e sempre contribuindo com o banco de cultura do www.overmundo.com.br


abraços...

Sabiá da Mata disse...

"is very good Jan"
...achei que tu também concordava com o fim do Jazz...

rose café disse...

pô...

Pagu disse...

poxa vida hein, tudo novo.

dadatida disse...

oi.! volto ainda pra ler.

www.aiegua.com.br - Guia Interativo da Cultura Alagoana

vesteme.blogspot.com - escritos de 2006...


-___________________________________