África Bissau

Eu vim comentar um segredo nau
África, Bissau
Toda poesia que pura irradia beleza
Da pele negra
E a pele negra

E o capoeira
E a capoeira

Meu mestre dizia:
Atravesse a rua
E evite a briga
Pois a malandragem
É uma regalia

Malandro é aquele
Que escorrega e se levanta
Rodopia, tá de pé, balança
Se segura, mas não cai

3 comentários:

nanda disse...

Olá meu amigo poeta, quanto tempo não te vejo!!!! :D
Ta tudo bem??? Desejo que sim...
Um xero e um abraço bem apertado pra ti!!!
Saudades!!!
:D

Carla Castellotti disse...

Artur,
devia uma resposta a vc. quanto aquele lance do aieguá.
eu posso sim escrever, mas acho que não adianta muito se o negócio for preencher lacunas simplesmente.
meu trabalho não é bem acabado e não sei se tem muito a ver com a proposta do site.
mas se vc quiser textos eu os envio, afinal não há escritor que escreva e não queira ser lido.
beijos.

Carla Castellotti disse...

fechado!
pisando fundo e sem diração Cabron!

www.aiegua.com.br - Guia Interativo da Cultura Alagoana

vesteme.blogspot.com - escritos de 2006...


-___________________________________